Arquivo da tag: câncer de mama

Passei no exame (mamografia)

Passei novamente.

Há muito, mas muito tempo mesmo, desde os 30 anos,  mais ou menos, por ter antecedentes familiares de câncer de mama, me submeto à mamografia.

Uma vez por ano. Religiosamente. Bem, religiosamente vírgula. Um mês a mais, um a menos, mas sempre faço.

No ano passado, depois de passar por aquela prensa (aperta, aperta, aperta), fiquei esperando o ok prá voltar prá casa, e dali a alguns dias ir buscar o laudo.

Mas, surpresa. A técnica em radiologia vem ao meu encontro e me avisa que teria que fazer novamente o exame. Porque o médico havia detectado alguma coisa e seria absolutamente necessário fazer novas radiografias, com alguns detalhes diferentes. O que? perguntei. Bom, vamos fazer novamente tudo igual, mas as imagens serão ampliadas, para uma melhor avaliação.

Meu coração bateu mais forte, devo confessar. Mas depois de um tempo, ok, pode voltar prá casa, e dali a uma semana, mais ou menos, eu voltaria para buscar os resultados.

Bem, tenho antecedentes de câncer de mama na família, como já falei antes. Minha mãe teve, minha avó paterna teve, e parece que mais alguma mulher da família também teve. (Não investiguei, desculpem).
Não houve como não me lembrar disto. Eu realmente baqueei.

Saí da clínica meio down, muito triste, na verdade. Ainda bem, mas ainda bem mesmo que, como nãosuporto dirigir, meu marido havia me levado. (Aliás, ele sempre me leva nos lugares).

Falei prá ele. Acho que ele baqueou mais que eu. Não lembro bem, mas acho que chorei um pouquinho.

Mas um pouquinho só. Quando cheguei em casa, não havia mais resquício algum de choro.

Foi quase uma semana de espera. Diga-se de passagem uma semana que demorou mais que um ano inteiro.

Fiz as coisas em casa, fui prá minha loja, trabalhei.

Mas principalmente, tive muita fé. Neste tempo todo, em momento algum, deixei de acreditar que as coisas ficariam bem.

Eu sempre acreditei muito em Deus. No meu Deus particular, muito particular mesmo. Um dia vou falar sobre como Ele é.

Mas enfim, fui buscar o exame. E escapei. Havia uma alteração, mas não havia necessidade de maior preocupação.

Este ano, fiz o exame novamente. E novamente a alteração está lá. Não sei se maior ou não. Não me lembrei de ver.

Mas desta vez, a ginecologista me avisou que o exame deverá se repetido a cada seis meses. Parece que há uma sobreposição de imagens. Algum nódulozinho em cima de outro. Então, precisamos investigar mais a miude.

Mas por enquanto, tudo bem. Tudo bem mesmo.

Estou absolutamente tranquila.

Daqui a seis meses volto prá prensa. Isto é, volto prá mamografia.

Aí, tem novo post sobre isto. E se eu me esquecer, alguém me cobre, por favor.