Poliglota, eu?

Bom, falo português fluentemente. E não morreria de fome na França, na Inglaterra, nem nos Estados Unidos. Acho que passaria bem nos países em que se fala castelhano ou espanhol. Mas agora, a surpresa maior. Eu também falo cachorrês, e um pouquinho do gatês.

Cachorrês? Gatês? Ué, nunca ouviu falar, não? Tá por fora, hein?

Cachorrês é a lingua dos cachorros, e gatês a dos gatos, oras.

Ontem, aconteceu de novo. O nosso totó, o kini, (vê a foto) começou a rondar, e latir. E o pessoal não sabia o que era. Mas ele olhou prá mim, latiu e eu entendi. Ele queria a bolinha prá brincar. Foi só perguntar: kini quer bolinha?, que ele correu. Eu peguei a bolinha dei a ele, ele foi brincar e pronto.

Este é o kini. Um filhote com cara de velho.
Este é o kini. Um filhote com cara de velho.

Quando ele quer comida, quando quer água, eu entendo. E não é o primeiro cachorro que eu consigo entender. Com os outros que tivemos já era assim. Eu entendia cada latido. Com a gatinha foi assim também, mas era mais difícil. Talvez porque gatos sejam mais independentes, sei lá.

Mas mesmo assim dava de saber o que a gata queria.

Talvez, também, a dificuldade com os gatos ocorra porque não morro de amores por gatinhos. Não gosto que os maltratem, mas prefiro mil vezes cachorros. Com eles me dou muito melhor.

Mas eu estava pensando, aqui com meus 2 botões, que esta facilidade de comunicação pode ter a ver com o fato de ser mãe, não é? Porque quando nossos filhos são pequenos, a gente tem que usar muito da sensibilidade prá entender os sinais que os bebês nos dão. Então pode vir daí, certo?

Se a gente consegue entender um bebê, consegue entender um animal.

Então, mães, todas somos poliglotas.

Nosso curriculum vitae cresceu.

Aêêê.

Ps.: Não estou comparando bebês com animais. Somente constatando as possibilidades.

2 pensou em “Poliglota, eu?

  1. O KINI É LINDOOOOOOOOOOOOOOOOOO!! amo animais! ele é um lhasa apso (assim que escreve?) ? eu tambem entendia a minha ex-cachorrinha (ficou com o ex-marido) que se chama Mel, uma poodle muito da espertinha, adorava conversar comigo tb..hahahahaha

    vivendo e aprendendo ne?

  2. é um lhasa, sim. mas deve ter uma mistura com avestruz e são bernardo. ele come qualquer coisa, (tá no chão, é meu. tá perto do chão, é meu. ele deve pensar isto). mas é o chodó da casa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *